terça-feira, 29 de junho de 2010

SuperSurf Internacional - Ricardinho puxa o limite.

Autor: SurfPE - Por: João Carvalho - 29/06/10 22:40- link fonte:


Ricardo dos Santos supera recorde de somatório da primeira etapa em Ubatuba. Foto: Daniel Smorigo.


O segundo desafio do SuperSurf Internacional, válido pelo WQS (World Qualifying Series) de nível 4 estrelas, começou nesta terça-feira (29/06) na praia de Maresias, São Sebastião (SP).

Clique aqui para ver as fotos

Em ondas de até 1 metro e formação boa, foram realizadas todas as baterias da primeira fase e metade da segunda, quando entram os cabeças-de-chave. A competição vai até domingo (4/07) na onda nota 10 do SuperSurf.

Isso porque em 10 anos de história do circuito organizado pela Editora Abril, que por uma década definiu os campeões brasileiros, 12 das 20 notas máximas foram recebidas em Maresias.

Agora o SuperSurf vale pontos no ranking mundial, mas o circuito continua e o melhor nas quatro etapas deste ano ganha um Peugeot de prêmio extra no encerramento da temporada, em outubro no Rio de Janeiro.

Com apenas 18 anos, o ubatubense Marco Aurélio ganhou em casa, na praia de Itamambuca, Ubatuba (SP), o primeiro SuperSurf Internacional. Aurélio se tornou o atleta mais jovem a vencer uma etapa na história do circuito iniciado em 2000.

A decisão do título em Ubatuba foi contra o experiente Danilo Costa, 32, potiguar que já defendeu o Brasil na elite mundial do ASP World Tour e fazia sua sexta final em etapas do SuperSurf. Os dois largaram na frente na corrida pelo Peugeot zerinho.

Marco Aurélio é o convidado da Editora Abril para a rodada dos cabeças-de-chave do SuperSurf de São Sebastião. Ele só estreia na 14ª bateria da segunda fase, a sexta a entrar no mar nesta quarta-feira.

Na terça-feira rolou até a oitava e alguns pré-classificados não chegaram a tempo de competir: o baiano Marco Fernandez na primeira bateria, o carioca Yuri Sodré na quarta, o paranaense Jihad Khodr na sexta e o catarinense Marco Polo e o paulista Mateus Toledo na última do dia.


Hizunomê Bettero chega em cima da hora, mas avança de fase no SuperSurf Internacional. Foto: Daniel Smorigo.

Outro paulista, Hizunomê Bettero, foi escalado na primeira da segunda fase, mas chegou na hora que ela estava iniciando e fez bonito, quebrando todos os recordes da rodada inicial de 16 baterias. Com um aéreo incrível, que valeu nota 8.17, Hizunomê venceu com 14.64 pontos, contra 13.50 do argentino Martin Passeri, que também avançou para a fase dos 32 melhores do SuperSurf Internacional.

“Cheguei só ontem do Farol de Santa Marta (SC), então fui para casa em Ubatuba pensando que só iria entrar amanhã (quarta-feira)”, diz Hizunomê Bettero. “Mas, meu irmão (Tamaê Bettero) entrou na primeira fase e me ligou dizendo que a minha ia rolar em seguida. Então só esperei meu pai chegar em casa e pegamos a estrada. Viemos correndo e chegamos no limite, começando a bateria. Bom que eu achei boas ondas, acertei um aéreo que valeu um 8.17 e me garantiu a vitória. Foi show”, completa Bettero.

O argentino Martin Passeri também era só felicidade. Ele venceu a primeira bateria do SuperSurf Internacional na praia de Maresias derrotando dois brasileiros e despachou mais um na abertura da fase dos cabeças-de-chave.

“Na minha primeira bateria eu estava mais nervoso, não conseguia achar ondas, mas tentei manter o foco e consegui ganhar uma bateria difícil com o Ricardo dos Santos, um garoto que vem surfando muito bem. Já essa segunda foi mais tranqüila porque peguei duas ondas boas, apesar de que o Hizunomê entrou atrasado e mesmo assim quebrou a bateria. Estou feliz por continuar na briga”, afirma Passeri.

Melhor do ano
Ricardo dos Santos não estreou bem, mas em sua segunda participação registrou um novo recorde de placar para o SuperSurf Internacional 2010. Com 15.43 pontos, ele superou todas as marcas da primeira etapa em Ubatuba.

Ricardinho igualou a nota 8.50 do pernambucano Halley Batista, que foi a maior recebida lá, mas somou um 6.93 para ultrapassar os 14.84 pontos do paulista Saulo Júnior também na estreia do SuperSurf no Circuito Mundial de Surf Profissional em Ubatuba.

“Eu venho de uma derrota no Farol de Santa Marta que doeu bastante no meu coração, mas não dá nem tempo de ficar pensando nisso, pois já tem outro evento seguido. Então procurei me concentrar em fazer manobras fortes, que é a melhor opção num mar assim”, conta Ricardo dos Santos, o recordista absoluto da etapa encerrada domingo no Farol de Santa Marta (SC), com nota 9.50 e 16.77 pontos. “Vamos em frente, seguindo na busca do meu objetivo, que é vencer uma etapa do Mundial WQS”, conta dos Santos.

Outro destaque do primeiro dia foi a apresentação de dois recordistas da história do SuperSurf iniciada no ano 2000. Na estreia no calendário do ASP World Star em Ubatuba, Robson Santos passou a ter o maior índice de vitórias em baterias, ganhando sete das nove disputadas, aproveitamento de 77,8%. Em Maresias, ele estreou colecionando mais um primeiro lugar, mas nem sabia destes números.

“Venho treinando muito forte há quatro meses e os resultados estão aparecendo. Eu confesso que não sabia deste recorde e fico feliz por isso. Certamente me deixa mais instigado para tentar me manter neste posto de melhor aproveitamento da história do SuperSurf. Muito bom saber disso”, fala Robson Santos.

Nesta bateria, o também ubatubense Odirlei Coutinho avançou em segundo lugar na sua 156ª vez que vestiu a camiseta de competição do SuperSurf, só não aumentando o seu outro recorde, de baterias vencidas, que permaneceu em 94.

“Bateria difícil para caramba. Optei pelas direitas que estão mais definidas e no final veio uma boa pra virar em cima do Pedro Henrique, que também surfa muito nessas condições de mar”, destaca Odirlei, que já venceu o SuperSurf de São Sebastião em 2004.

O evento é transmitido ao vivo pelo site SuperSurf.

Red Nose Tow In - Divulgada lista de convidados.

Autor: SurfPE - Por Gerson Filho - 29/06/10 22:26 - link fonte:

Campeões em 2009, Paulo Moura (foto) revive parceria de sucesso com Wilson Nora. Foto: Gil Hanada.

A direção do Red Nose Tow In Championship International 2010 definiu as 20 duplas convidadas para enfrentar as bombas de Maresias, São Sebastião (SP).

A lista conta com nomes de peso como os havaianos Garret Mcnamara e Kealii Mamala, o sul-africano Grant "Twiggy" Baker e o chileno Ramon Navarro, além dos destaques brazucas, como Carlos Burle, Eraldo Gueiros, Paulo Moura, Wilson Nora, Danilo Couto, Rodrigo Resende, Bruno Santos, Sylvio Mancusi, Alemão de Maresias, entre outros.

Também entre os convidados, a turma de Maresias promete dar trabalho, como no ano passado, quando Ivan Bertazzo protagonizou belos momentos e emplacou nota 10 unânime em sua bateria.

Vale lembrar que são necessárias ondas com no mínimo 3 metros para a realização do evento. A janela de espera começa no dia 15 de julho e vai até o dia 30 de novembro.

Desafio na remada Neste ano, o campeonato conta também com categoria Open, a Red Nose Paddle Challenge, que premia com R$ 5 mil o surfista que pegar a maior onda na remada, seja no surf convencional ou no stand up paddle.

O Red Nose Tow In Championship International 2010 é apresentado por Lupo. Patrocínio: Sea Doo, Casarini e Surf Trip. Apoio: Mega Group, Abrasmo, Prefeitura de São Sebastião, Gzero Tech, Santo Segurança, ASM, ASRM e ASSS. Divulgação: Fluir e Waves.

Lista oficial de convidados
1 Garret Mcnamara / Kealii Mamala (Haw)
2 Makua Rothman / Ikaika Kalama (Haw)
3 Grant "Twiggy" Baker (Afr) / Greg Long (EUA)
4 Coco Nogales (Mex) / James Sterlling (Haw)
5 Ramon Navarro / Christian Merello (Chi)
6 Rodrigo Resende / Danilo Couto (Bra)
7 Carlos Burle / Eraldo Gueiros (Bra)
8 Bruno Santos / Marcelo Trekinho (Bra)
9 Sylvio Mancusi / Haroldo Ambrósio (Bra)
10 Paulo Moura / Wilson Nora (Bra)
11 Jorge Pacelli / João Capilé (Bra)
12 Daniks Fischer / Lucinei Malas (Bra)
13 Luis Roberto Formiga / Denis Moreira (Bra)
14 Everaldo Pato / Yuri Soledade (Bra)
15 Rodrigo Koxa / Vitor Faria (Bra)
16 Alemão de Maresias / Flávio Caixa D'Água (Bra)
17 Luis Eduardo Guimarães / Eduardo Xepa (Bra)
18 Ivan Bertazzo / Davi Cebola (Bra)
19 André Nasta / Alexandre Lindenbojm “Xan” (Bra)
20 Sergio Pudi / Flavio Oliveira “Boca” (Bra)


Pernambuco e Alagoas - Colabore com desabrigados

Autor: SurfPE - Por Redação Waves - 29/06/10 17:30 - link fonte:

Desabrigados do município de Murici (AL) fazem fila para receber donativos. Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil.

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Alagoas informa que não são mais necessárias doações de roupas e calçados porque já existe um estoque destes produtos. O apelo, a partir desta terça-feira (29/6), é por colchões, cobertores, produtos de higiene pessoal e materiais de limpeza.

Os governos de Alagoas e Pernambuco criaram centrais de arrecadação de donativos para os afetados pelas chuvas que inundaram cidades e deixaram milhares de pessoas desabrigadas nos dois Estados.

As maiores necessidades são de agasalhos, alimentos não perecíveis e água potável.

O governo federal lançou um blog para divulgar ações de ajuda aos atingidos e serviços para a população dos dois Estados.

Veja abaixo como é possível ajudar as vítimas das chuvas.

Em todo o país
As agências dos Correios de todo o Brasil recebem alimentos não perecíveis, roupas, agasalhos, roupas de mesa e de banho, calçados e barracas. No caso de remédios, apenas as indústrias ou redes farmacêuticas que se responsabilizem pelos produtos poderão fazer doações.

Os Correios não aceitarão doações em dinheiro. Os donativos deverão ser embalados em pacotes de até 30 quilos e entregues em qualquer agência. A postagem é gratuita e as encomendas devem ser enviadas à Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Alagoas, Rua Lavenere Machado, nº 80 - Trapiche da Barra - Maceió/AL - CEP: 57010-383.

Alagoas
O Corpo de Bombeiros de Alagoas e a Defesa Civil do Estado abriram os quartéis de Maceió e do interior para receber donativos para as vítimas das enchentes. Eles podem ser entregues também nos Espaços Cidadão. Além disso, as escolas de todo o Estado que não foram atingidas pelas chuvas funcionam como ponto de coleta.

- 1º Grupamento de Bombeiros Militar (1º GBM) - Rodovia 316, km 14, Tabuleiro dos Martins (Maceió). Contato: (0xx82) 3315-2900 ou 3315-2905.

- Grupamento de Socorros de Emergência (GSE) - Conjunto Senador Rui Palmeira, S/N (Maceió). Contatos (0xx82) 3315-2400.

- Subgrupamento Independente Ambiental (SGIA) - Av. Dr. Antônio Gouveia, S/A, Pajuçara, próximo ao Iate Clube Pajuçara (Maceió). Contato: (0xx82) 3315-9852.

- Quartel do Comando Geral (QCG) - Av. Siqueira Campos, S/N, Trapiche da Barra, próximo a Pecuária (Maceió). Contato: (0xx82) 3315-2830.

- Defesa Civil Estadual (Cedec) - Rua Lanevere Machado nº 80, Trapiche da Barra, próximo a Pecuária (Maceió). Contato: (0xx82) 3315-2822 ou 3315-2843.

- Grupamento de Salvamento Aquático (GSA) - Av. Assis Chateaubriand, S/N, Pontal, próximo a Braskem (Maceió). Contatos: (0xx82) 3315-2845.

- 2º Grupamento de Bombeiros Militar - (0xx82) 3296-2026 ou 3296-2270 (Maragogi).

- 6º Grupamento de Bombeiros Militar - (0xx82) 3551-7622 ou 3551-5358 Penedo.

- 7º Grupamento de Bombeiros Militar - (0xx82) 3522-2377 ou 3421-2695 (Arapiraca e Palmeira dos Índios).

- 9° Grupamento de Bombeiros Militar - (0xx82) 3621-1491 ou 3621-1223 (Santana do Ipanema e Delmiro Gouveia).

- Clique aqui para ser um voluntário ou para fazer doações online de qualquer parte do mundo.

Pernambuco
A arrecadação de donativos é coordenada pelo comando da Polícia Militar. O principal ponto de recebimento de doações foi montado na quadra poliesportiva do quartel do Comando Geral, na Praça do Derby, no Recife. O local fica aberto das 9h às 17h. Contato: (0xx81) 3181-1370.

Contas para doações
O Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal criaram contas para receber doações em dinheiro para o resgate às vítimas da enchente em Alagoas.
Banco do Brasil:
- C/C 5241-8 Agência 3557-2
Caixa Econômica Federal:
- C/C 955-6 Agência 2735 Operação 006
Também foram criadas duas contras do banco Bradesco para receber as doações para os estados de Pernambuco e Alagoas. As duas foram abertas com donativos iniciais de R$ 500 mil cada:

Pernambuco
Defesa Civil de Pernambuco
Recife-Centro
Agência: 3201-8
Conta: 600.000-2

Alagoas
Defesa Civil de SOS Nordeste
Maceio-Centro
Agência: 389-1
Conta: 10.000-5

Leia mais:


segunda-feira, 28 de junho de 2010

Ação Social - Projeto Segundo Tempo inicia as aulas de sandboard.

Autor: SurfPE - por: Kelen Tostes (Assessoria de Comunicação da ASC) - 28/06/10 - 13:56.

A garotada se diverte na areia - foto: Marcelo Bibita

Neste sábado 26/06 teve início as aulas de Sandboard do Projeto Segundo Tempo, nas dunas da Praia do Icaraí, Caucaia, Ce.

A molecada participou da aula de alongamento e em seguida treinaram nas dunas aproveitando cada minuto mostrando muita intimidade com as pranchas.

Com a realização do Projeto uma safra nova de atletas de sandboard estará sendo formada para representar o Estado.

O Projeto Segundo Tempo do Governo do Estado do Ceará em parceria com a ASC tem o objetivo de tirar jovens e adolescentes da ociosidade como também criar uma expectativa de vida melhor para muitas crianças das comunidades carentes de Caucaia através do esporte.

O Sandboard:

O Sandboard versão tropical do snowboard (esporte praticado na neve), esporte radical que consiste em deslizar nas dunas de areia utilizando uma prancha realizando manobras que são uma união do surf e skate, é uma

O esporte surgiu em 1986 como uma alternativa dos surfistas nos dias em que o mar não estava bom para a prática do surf.

Antigamente usavam-se tábuas de madeira para descer nas dunas, mas com o crescimento do esporte as pranchas de sand foram evoluindo e já se faz pranchas com material de fibra de carbono.

Atualmente o sandboard tem sido praticado em vários países como Argentina, Uruguai, Estados Unidos, Austrália, África e Brasil.

O Estado do Ceará tem os melhores atletas de sandboard do Mundo e alguns deles são responsáveis por diversas escolinhas que tem a finalidade de formar novos talentos no esporte.

Informações sobre as aulas:

As aulas do projeto são ministradas todos os dias de segunda a sábado pela manhã e a tarde com as turmas dos colégios Celina Sá e César Nildo, no sábado pela manha há uma aula conjunta com os alunos dos dois colégios. Todas as aulas práticas são ministradas na praia em frente ao quartel do corpo de bombeiros, em breve novas vagas serão para os alunos dos demais colégios.

A Associação de Surf de Caucaia agradece a participação de todos os envolvidos nesta ação que só tem a contribuir com o crescimento desta meninada.


Galeria de fotos do Projeto Segundo Tempo

Fotos: Marcelo Bibita




Paulista Universitário - Caio Faria leva no Tombo (SP).

Autor: SurfPE - Por: Marilia Fakih - 28/06/10 13:39 - link fonte:

Caio Faria, Quiksilver Paulista Universitário 2010, praia do Tombo, Guarujá (SP). Foto: Alexandre Akiwas.

A segunda etapa do Quiksilver Paulista Universitário de Surf 2010 apresentado por Peugeot foi encerrada neste domingo (27/06) na praia do Tombo, Guarujá (SP).

O local Caio Faria, aluno da Unimonte, repetiu o feito da primeira etapa em Maresias e levou o título da categoria Masculina Open.

Em segundo ficou Pedro Aguiar (Unitau), seguido por Popó Batista (Unimonte) em terceiro e Raphael Rocha (Unimonte) em quarto lugar.

Caio também faturou a vitória na Peugeot Xpression Session. Acostumado com as ondas do Tombo, o atleta completou um aéreo 360º de frontside e não deixou dúvida nos juízes.

“Competir em casa é a melhor coisa que tem e contar com o apoio dos familiares e amigos é fundamental para o atleta. E não vou dar trégua não, vou pra próxima etapa em Ubatuba e vou ganhar de novo”, comemora Caio Faria.

Na categoria Masculina Paulistana, os universitários repetiram a final de Maresias, mas desta vez foi Paulo Klein (Anhembi Morumbi) quem conquistou o pódio. Eduardo Maia (UMC) ficou na segunda colocação, com Rafael Spitaletti (PUC) e Sergio Faria (Belas Artes) em terceiro e quarto, respectivamente.

Entre as meninas, a local Camilla Callado (Uniesp) fez a festa em casa, deixando para trás Nicole Pacelli (USP), Fernanda Infanti (Unisanta) e Gisele Garcia (Unimonte).

Já na categoria Formados, a vitória foi de Diego Rubens, seguido por Rodrigo Pereira, ambos companheiros de sala na Unisanta. Em terceiro ficou Guga Oliveira (Unimes) e Lucas Felipe (Faculdade Bertioga) completou a final.

E na Longboard Luiz Henrique, aluno da Dom Domenico, garantiu a primeira posição, enquanto Popó Batista, vencedor da etapa de Maresias, ficou com o vice. Alex Germano (Unaerp) e Fabiano Amorim (Unisa) ficaram em terceiro e quarto lugar.

“O evento foi irado, pude acompanhar todas as baterias de perto e os atletas mandaram muito bem. Na areia estava sempre rolando atividade e os atletas e a organização do evento estão de parabéns”, comenta Rogério Bocuzzi, que trabalha no marketing da Quiksilver.

Agora, o Paulista Universitário segue para Itamambuca, em Ubatuba (SP), onde rola a ultima e decisiva etapa nos dias 11 e 12 de setembro.
É lá também que acontece o desfile das finalistas do Concurso Garota Roxy, que tem inscrições abertas no site do Ibrasurf.

O Circuito Quiksilver Paulista Universitário de Surf é apresentado por Peugeot. Patrocínio: Quiksilver, Skol, Star Point e William Woo. Apoio: Roxy, DC, BHS, Burleigh Heads Language Centre e OZ Surfing. Divulgação: Waves. Realização: Ibrasurf em parceria com a APSU, FPS e Liga Paulista Universitária de Esportes. A segunda etapa tem o apoio da Prefeitura do Guarujá e da Associação de Surf do Guarujá.

Resultados da segunda etapa do Quiksilver Paulista Universitário 2010

Masculina Open

1 Caio Faria (Unimonte)
2 Pedro Aguiar (Unitau)
3 Popó Batista (Unimonte)
4 Raphael Rocha (Unimonte)

Masculina Paulistana

1 Paulo Klein (Anhembi Morumbi)
2 Eduardo Maia (UMC)
3 Rafael Spitalleti (PUC)
4 Sergio Faria (Belas Artes)

Feminina

1 Camilla Callado (Uniesp)
2 Nicole Pacelli (USP)
3 Fernanda Infanti (Unisanta)
4 Gisele Garcia (Unimonte)

Formados

1 Diego Rubens (Unisanta)
2 Rodrigo Pereira (Unisanta)
3 Guga Oliveira (Unimes)
4 Lucas Felipe (Faculdade Bertioga)

Longboard

1 Luiz Henrique (Domenico)
2 Popó Batista (Unimonte)
3 Alex Germano (UNAERP)
4 Fabiano Amorim (Unisa)

Tag Team
Equipe UMC

Peugeot Xpression Session
Caio Faria


Rickmani Cearense de Surf Universitário 2010 - Artur Silva sai na frente.

Autor: SurfPE - por: Monalysa Alencar - 28/06/10 - 12:25.


Estrutura do evento - foto: Everardo Santana/EmFoco Surf.

O surfista Artur Silva, da Faculdade Estácio de Sá, foi o campeão da categoria Open Universitário da 1ª etapa do Circuito Cearense de Surf Universitário – Rikimani Cearense de Surf Universitário encerrada neste domingo, na Praia do Futuro, em Fortaleza.

Artur Silva fez a bateria final contra Gutemberg Silva (UNP), segundo colocado, Phelipe Maia (Faculdade Ateneu), que terminou em terceiro lugar, e Glauciano Rodrigues (Fatece), quarto colocado. Glauciano é o atual campeão estadual na Open Universitário.

Artur Silva, foi o grande campeão - foto: Everardo Santana/EmFoco Surf.

Na categoria Open Universitário Feminino, o título da etapa ficou com a atual campeã Rafaela Bahia (Faculdade Ateneu). Suiane Lima (Unifor) ficou em segundo lugar. Dandara Borges (Fanor) foi terceira colocada e Patrícia Bezerra (Unifor) ficou em quarto lugar.

A 1ª etapa do Rikimani Cearense de Surf Universitário teve a participação de 70 surfistas. As disputas começaram ainda no sábado em frente ao Complexo Crocobeach, na Praia do Futuro. Em outras categorias, os campeões da etapa foram Rafael Cabral (UNP) na Iniciante Universitário, Felipe Maia (UVA) na Master Degree e Michael Rodrigues na Open Estudantil.

Na premiação do circuito serão oferecidas quatro passagens aéreas para Fernando de Noronha aos campeões das categorias Open Masculino e Feminino, Iniciante, e Máster Degree. A premiação por etapa do Rickmani Cearense de Surf Universitário 2010 é a seguinte: Blocos Teccel, Troféus e Kits Rickmani.

Resultado da etapa:

Open Universitário
1º - Artur Silva (Estácio de Sá)
2º - Gutemberg Silva (UNP)
3º - Phelipe Maia (Ateneu)
4º – Glauciano Rodrigues (Fatece)

Open Feminino
1ª – Rafaela Bahia (Ateneu)
2ª – Suiane Lima (Unifor)
3ª – Dandara Borges (Fanor)
4ª – Patrícia Bezerra (Unifor)

Iniciante Universitário
1º - Rafael Cabral (UNP)
2º – Eliandro Santana (Fametro)
3º - François Costa (FIC)
4º - André Fontes (FIC)

Master Degree
1º - Felipe Maia (UVA)
2º - Marquito Santos (FPN)
3º - Luis Castelo (Evolução)
4º - Israel Rodrigues (Fa7)

Open Estudantil
1º Maicon Rodrigues
2º - Mateus de Oliveira
3º - Felipe Alves
4º – Josely Gomes

O Rickmani Cearense de Surf Universitário 2010 tem o patrocínio da Rickmani, Tent Beach, Gerardo Bastos, Pirelli e apoio da Rádio Mix, Jornal Diário do Nordeste, Blocos Teccel, Complexo Crocobeach, Associação Cearense de Surf Universitário, Federação Universitária Cearense de Esportes e Federação Cearense de Surf. A realização é da Classic Promoções.


JADSON É DESTAQUE NA MÍDIA INTERNACIONAL.

Autor: SurfPE - Por: Jed Smith - Tradução: Juliana Corbari - 28/06/10 - 12:09. - Divulgação: www.vidasurf.com.br


Jadson, é destaque em site gringo - foto: reprodução.

Não querendo tietar demais, mas acho muito legal que um cara tão novo como Jadson
André tenha uma postura tão equilibrada frente ao que conquistou até agora, que saio
um pouco à cata do que a imprensa estrangeira especializada fala sobre ele.

O cara é tão diferente dos que seriam seus coetâneos, que se posiciona entre os grandes já,
passando quase despercebido o fato que ele venha de uma realidade bem distante
daquela dos caras que hoje o temem.

Não que ele tenha essa intenção, mas quer vencer, e o ponto da vitória focado à sua frente faz seus adversários no mar (que, de fato, são alguns anos mais velhos que ele) tremerem e se perguntarem da onde veio o moleque.

Jadson André - foto: divulgação ASP

A julgar pela reportagem da seção ‘surfers you should know’ da Revista Stab Magazine , com texto de Jed Smith, os caras querem mesmo saber quem é o Jadson, e entender esse efeito que o boy de Ponta Negra (que não é mais boy, é homem feito, de presença, com pinta e jeito de campeão, e isso pela sua humildade, simplicidade e simpatia) faz com surfers do mundo todo com seus aéreos espetaculares e sua fulminante estréia no WT.

A matéria “pinta” um pouco as condições dos surfistas no Nordeste brasileiro, mas é válida a leitura para sacar que o surfista nordestino pode sim se sobressair em meio aos que tem maiores condições de mar e de estrutura, justamente pelas ondas limitadas e falta de apoio material para o esporte nos estados do NE. A necessidade o leva a ser mais competitivo. Em suma, a
diferença entre a galinha de granja e aquela caipira... Entender o que os caras pensam de nós, brazucas, pode nos ajudar a buscar mais vitórias e nos fazer acostumar a subir mais em pódios, coisa que eles fazem com bem mais freqüência que nós.

Jadson deixou a imprensa estrangeira de queixo caído pela voracidade com que busca seus resultados, com equilíbrio e raça, força e controle ao mesmo tempo. Dão atenção especial às origens do garoto, e procuram entender a tenacidade do seu foco. Destaque ao comentário de C.J. Hobgood, e à saída do Jadson em resposta à Neco Padaratz em Sunset 2009.

JADSON ANDRÉ, 20 ANOS, RIO GRANDE DO NORTE, BRASIL
“Eu trabalhei toda minha vida por isso. Eu sabia do início, naquelas ondas, onde eu
posso dar meus aéreos, que eu tinha tido a melhor oportunidade. Eu só tinha que
tentar pegar as melhores ...” relembra Jadson André momentos antes da final do
Santa Catarina Pró no Brasil.

Para um estreante de 20 anos, com três eventos do ASP World Tour, fazer uma final,
em casa, contra o maior do mundo, já é uma perspectiva bem assustadora. Ninguém
pode culpá-lo se ele deu uma engasgadinha.

Numa apresentação impecável e essencialmente brasileira de beachbreak surf, Jadson arrancou bombas do nove vezes campeão mundial Kelly Slater. Ele saiu erguido e carregado pelos locais de Imbituba. Nenhum conhecido seu.

“Foi a melhor sensação da minha vida” ele disse. A vitória de Jadson, por mais enervante que possa ter sido para os outros competidores, não deve ser encarado como surpresa. Com o novo critério de julgamento da ASP favorecendo unicamente manobras de alto risco, veremos uma
inteira geração de brasileiros que cresceram em beachbreaks quebrando aéreos movidos aos filmes de Taylor Steele, aumentarem o nível da elite do surf nos próximos anos. Quando isso acontecer, trará consigo uma consistência no surf de manobras radicais, e na cultura de agressividade competitiva no esporte. Mas ao que parece, o World Tour Surfing não acabou, se a resposta dos adversários de Jadson forem à altura.

Após a vitória de Jadson, seu oponente Slater o ridicularizou e o desafiou a repetir
seu desempenho em Teahupoo e Pipe. Jadson respondeu: “Não estou preocupado se não fizer bonito em Teahupoo ou Pipe, pois tenho um longo tempo ainda para trabalhar e melhorar. Ele é nove vezes campeão do mundo, ele pode falar o que quiser... ele sempre será meu surfista favorito.”

Jadson é consciente dos sentimentos ambíguos que foram reservados à ele, mas também o confunde. “Porque eles não gostam? De como eu luto pelas ondas? Eu amo isso. É uma competição, você sempre vai querer pegar a melhor onda.” Não é que sua agressividade tenha uma mentalidade racista ou nacionalista. Ele mesmo me conta que um dos seus maiores confrontos foi justamente com um conterrâneo seu, um ícone do surf brasileiro Neco Padaratz, em Sunset, no O’Neill World Cup 2009, onde Jadson e Neco revezavam as remadas numa disputa de floreios à certa altura. “Aí Jadson, que c** * você ta fazendo? Eu preciso desse
resultado. Você é o número 3 do mundo, não precisa disso. Eu tenho um filho, cara,
você tem filhos?” E Jadson: “Ah, você tem um filho? Bom, eu tenho quatro: uma mãe,
um pai, e dois irmãos.”

Num clássico exemplo da mentalidade brasileira, uma vez na areia a clima voltou ao normal. “Quando se chega na bateria, não há amigos. Eu não converso durante as baterias. Mas eu sempre aperto as mãos dos adversários no final das baterias, não importa o que aconteça. Se eles não me deixam pegar as ondas, também não tem problema, afinal, esse é o trabalho deles. “
Mas mesmo Jadson traça seu objetivo no horizonte.

“Eu nunca serei agressivo. Nunca vou tocá-los. Tento remar pra cima deles, mas nunca vou tocá-los os brigar com eles” É também verdade que Jadson fomenta um tipo de competitividade extrema que é rara hoje em dia. Não é preciso cavar muito para descobrir o porquê. Crescido numa área mais pobre do Estado do Rio Grande do Norte no Nordeste brasileiro, Jadson tem sido o principal provedor da sua família desde a adolescência.

“Meus primos eram de gangs. Dois foram mortos pela polícia por tráfico de drogas. Quando eu tinha quinze anos me mudei sozinho para São Paulo porque lá tem ondas melhores. Estou lutando por uma vida melhor. Se eu não lutar, fico sem patrocínio e tenho que voltar para trabalhar como minha mãe, por cem dólares mensais.”

Mas nem todos os brasileiros estão “lutando por uma vida melhor”. O clima competitivo ainda prevalece, e Jadson puxou à um nível cultural a diferença entre os surf brasileiro e o do resto do mundo, resultado simplesmente do fato que no Brasil existem surfistas de mais e ondas de menos.

“Todo mundo rema para lutar pelas ondas. Mesmo no free surf, quando chega uma
onda, todos remam para alcançá-la. Aqui (na Austrália), a galera espera as ondas
virem até elas.”

Um sentimento competitivo tão saudável ser visto tão negativamente pelos rivais é um sinal dos tempos. Ou, como o Campeão Mundial 2001 C.J. Hobgood bem colocou: “Não passam de um bando de bebês chorões.”

Quando Jadson e seu exército de acrobatas seguirem dando aéreos no cenário mundial, a menos que algo saia errado, não vai ser moleza. (...)

“O surfista brasileiro vai sempre lutar pelas ondas.” diz Jadson.

Link da revista americana Stab Maganize.



PENA SURF PRO 3º Etapa ANS PRO TOUR - Inscrições Abertas.

Autor: SurfPE - por: Carlos Abdalla(Tour Manager ABRASP NE/ ANS) - 28/06/10 - 11:54.

Cartaz da 3º Etapa do Circuito Nordestino de Surf Profissional - Foto: reprodução.

Já estão abertas as inscrições da 3º Etapa do Circuito Nordestino de Surf Profissional, este evento conta com o Patrocinio da PENA que este ano realizara 3 etapas do ANS PRO TOUR. Solicitamos que as os atletas inscrevam se logo pois teremos apenas 96 vagas. não deixem para ultima hora!!!

SISTEMA DE INSCRIÇÕES
As inscrições para o PENA PRO NORDESTE já estão abertas,e poderão ser feitas na conta da ANS:
Valor: R$ 150,00
Banco: REAL
AG: 0757
CC: 9744391-5
Associação Nordestina de Surf

Apos o deposito favor enviar um email para anssurf@hotmail.com relatando o dia e hora do deposito. Levar o comprovante de deposito (sob pena de nao correr o evento) segunda feira dia 08 e entrega la ao Tour Manager da ABRASP NORDESTE/ANS Carlos Abdalla dia 03 de junho no local do evento.

São José da Coroa Grande - foto: Divulgação


COMO CHEGAR
São José da Coroa Grande é um lugar privilegiado pela beleza do mar e pelas piscinas naturais apropriadas para o mergulho. As expectativas para esta etapa são as melhores, pois acontecerá em um pico inédito, Várzea do Una que é uma Praia paradisíaca onde nunca houve um evento deste porte.

A praia de Várzea do Una fica a 120 km de Recife é o município ao sul de Pernambuco, cruzando a divisa com Alagoas e os acessos são pela PE–60 E BR–101 (via Cabo).

Apesar da pouca distância de Recife o acesso é feito cruzando o Rio Una em barco.

A praia de Várzea do Una está em um a baía com uma boa faixa de areia, um mar de ondas fortes e belas paisagens.

Distâncias:
Recife - 110km - acesso pela PR-060
Maceió - 130 km - acesso pela AL-101 Norte

EVENTO: PENA PRO NORDESTE

DIAS: 09 a 11 DE JULHO

PREMIAÇÃO: R$ 30.000.00

PONTUAÇÂO: 2000 PTS ANS PRO TOUR + 1000 PTS BRASIL TOUR

LOCAL: Varzea do Una/ Sao Jose da Coroa Grande/PE



Boa Sorte a Todos e que vença o Melhor!!!


Hugel contrata Felipe Maia - Mais um soldado no exercito.

Autor: SurfPE - por:Marcelo Bibita - 28/06/10 - 11:28.


Marcelo Bibita, Felipe Maia e Paulo Mora assinando contrato. Foto: Marketing Hugel.

Aconteceu nessa quinta-feira (24/06) mais uma contratação para equipe de atletas Hugel, o novo atleta chama-se Felipe Maia, Felipe fechou contrato com a Surfwear Hugel e prometeu representar a marca nas principais competições universitárias do Brasil.

"Estou muito feliz em ter o Felipe em nossa equipe, vejo que ele tem todos os requisitos que a Hugel Surfwear exige, espero bons resultados para que ele possa representar bem nossa marca nas competições universitárias." Falou Marcelo Bibita, Diretor de Marketing da Hugel.

Confira abaixo o vídeo que foi feito por nossa equipe durante a coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira.


Crédito vídeo:
Everardo Santana /
Emfocosurf.com.br


quarta-feira, 23 de junho de 2010

Julian Wilson em recuperação.

Autor: SurfPE - por: Lucas Franceschini - 23/06/10 - 18:07 - link fonte:

Julian Wilson, de Molho - foto: Divulgação.

Enquanto estamos na espera do filme de Julian Wilson, Scratching the Surface, que vai ser lançado em setembro, o aussie vem liberando em seu site pequenos teasers do que está por vir em sua obra.

Veja aqui Wilson mostrando um pouco do seu cotidiano na Austrália e como foi a recuperação da contusão que teve no tornozelo durante as filmagens de seu filme.

Assista ao vídeo:




The Cringe Factor: Brown Brothers find new slabs

Autor: SurfPE - por: CameraSurf - 23/06/10 - 18:00 - link fonte:

Confira o vídeo mais recente da Brown Brothers.

Titanzinho Surf Club 2010 - 1ª etapa nos dias 03 e 04 de julho.

Autor: SurfPE - por: EmFoco Surf - 23/06/10 - 17:54 - link fonte:

Cartaz do IV Circuito Titanzinho Surf Club - foto: Reprodução.

Acontece nas ondas da praia do Titanzinho a primeira etapa do IV Circuito Titanzinho Surf Club, a competição é apresentada pela surf shop SURFBEAT e mais informações podem ser obtidas pelo fone: 9903-6121 com Raimundinho.





Niteroiense Amador - Organização define abertura.

Autor: SurfPE - Por: Renato Bastos - 23/06/10 17:39 - link fonte:

Cartaz do circuito Hot Buttered e Uff, Niterói 2010. Foto: Reprodução.

Depois de mudanças nas datas para o início do circuito, foi decidido que a primeira etapa do Compão Hot Buttered e UFF de Surf 2010 acontece neste final de semana (26 e 27/06) na praia de Itacoatiara, Niterói (RJ).

O evento é organizado pela Associação de Surfe de Niterói (ASN) e conta com as categorias UFF, Open Interna, Sênior, Júnior, Mirim, Iniciantes, Feminino e Master.

A Associação completa 30 anos de existência em 2010 e comemora a retomada que coloca a cidade de Niterói como a sede de um dos mais importantes circuitos de surf amador do estado do Rio de Janeiro.

A grande novidade para esta temporada é a premiação das categorias Open Interno (surfistas residentes em Niterói) e Sênior (mais de 28 anos): a agência de viagens especializada em surf, AIT Surf, passa a oferecer uma passagem aérea para o Peru aos campeões dos rankings das referidas divisões.

Para obter mais informações sobre o evento, entre em contato pelo telefone (0xx21) 7869-0924.

Paulista Universitário - Reunião discute segunda etapa

Autor: SurfPE - Por Marilia Fakih - 23/06/10 17:01 - link fonte:

Cartaz do Quiksilver Paulista Universitário 2010. Foto: Reprodução.

O Meeting Surf Universitário acontece nesta quinta-feira (24/06), às 19:30 horas, na sede da Ibrasurf, localizada à Avenida Sabiá, 388, Moema, São Paulo (SP).

A reunião entre Ibrasurf (Instituto Brasileiro de Surf), Liga Paulista Universitária, atléticas das faculdades e interessados é sobre a sua segunda etapa do Circuito Quiksilver Paulista Universitário de Surf apresentado pela Peugeot.

O evento rola neste final de semana (26 e 27/06) na praia do Tombo, Guarujá (SP).

Serão apresentadas as melhores fotos e o vídeo da primeira etapa realizada em Maresias, São Sebastião (SP), além da divulgação do cronograma de baterias para o final de semana.

O encontro conta com a presença de Junior Putarov, presidente da Liga Paulista Universitária.
Para obter mais informações sobre o evento, envie mensagem para ibrasurf@ibrasurf.com.br ou entre em contato pelo telefone (0xx11) 5052-5011.

O Circuito Quiksilver Paulista Universitário de Surf é apresentado por Peugeot.

Patrocínio: Quiksilver, Skol, Star Point e William Woo.

Apoio: Roxy, DC, BHS, Burleigh Heads Language Centre e OZ Surfing.

Divulgação: Waves. Realização: Ibrasurf em parceria com a APSU, FPS e Liga Paulista Universitária de Esportes.


terça-feira, 22 de junho de 2010

Gerry Lopez Battle of the Paddle - Brasileiros remam forte no Hawaii.

Autor: SurfPE - Por: Bruno Lemos - 22/06/10 18:18 - link fonte:


Nos últimos dias 12 e 13 de junho, mais de 600 atletas de todo o mundo reuniram-se para a primeira edição do Gerry Lopez Battle of the Paddle Hawaii, nas águas azul-turquesa de Waikiki.

Com o cenário surreal de Diamond Head e as lembranças de Duke Kahanamoku, o público pôde assistir de perto os melhores atletas da modalidade.

Clique aqui para ver as fotos

O californiano Danny Ching, 27 anos, venceu a categoria Elite no sábado e a categoria Distância no domingo, para fecharo com chave de ouro sua participação no evento.

Os brasileiros também fizeram bonito na competição com várias participações no pódio.

Destaque para Andrea Moller, que venceu a categoria Distância (14 km) no domingo e conquistou também o troféu de "atleta inspiração" do evento, além de terminar na 6ª colocação na categoria Elite (8 km) no sábado.

A categoria Elite foi realizada em um percurso de aproximadamente três quilômetros na água com um percurso de 50 metros de corrida na areia para completar uma volta completa, estilo biatlo. Livio Menelau terminou na 46ª posição no geral.

No sábado, antes da categoria Elite foi disputada a Open Age, na qual várias categorias disputaram juntas o percurso de três voltas, em um total de 6,5 quilômetros.

Entre 125 atletas, Dane Deboer foi o mais rápido com uma prancha 18 pés e fechou com o tempo de 42:49 minutos.

O brasileiro Hilton Alves terminou na 16ª posição no geral com o tempo de 47:11 minutos. Com esta marca, Hilton venceu a Surfboard (30-39 anos), sua segunda vitória consecutiva na categoria este ano.

Walter Machado terminou na 3ª posição na categoria com o tempo de 53:24 minutos. Na Stock Class, o brasileiro Masao Fukayama ficou com a 3ª posição com o tempo de 50:56 minutos.

Com um total de 200 participantes foi realizada a categoria Distância no domingo, dividida em categorias por idade e tamanho de pranchas.

No geral, o californiano Danny Ching venceu com o tempo de 1:25:50. Livio Menelau terminou na 8ª colocacao no geral, ficando com o segundo lugar na categoria 30-39 anos. Andrea Moller foi a mais rápida no Feminino e venceu com o tempo de 1:38:07.

Confiram o Vídeo:



segunda-feira, 21 de junho de 2010

Pena Pro Nordeste - Etapa em clima de copa esquenta a briga pelo título.

Autor: SurfPE - por: Jocildo Andrade – Assessoria de Comunicação ANS – 21/06/10 - 21:55.

Cartaz Segunda etapa da Tríplice Coroa Pena Pro Nordeste - foto: reprodução.

São José da Coroa Grande, Várzea do Una – PE, será palco durante os dias 09, 10 e 11 de julho da terceira etapa do Circuito Nordestino de Surf Profissional, o Pena Pro Nordeste que este ano traz a novidade da Tríplice Coroa Pena composta pelas três etapas patrocinadas pela empresa.

A surf wear Pena mais uma vez inova com o a Tríplice Coroa Pena Pro Nordeste que vai premiar o campeão com uma passagem para o Hawaii, um dos lugares mais cobiçados pelos surfistas de todo o mundo, lugar também onde surgiu a Tríplice Coroa Hawaiana, três campeonatos seguidos na costa Norte da Ilha de Oahu.

O primeiro acontece em Haleiwa, o segundo em Sunset e, por último, o Pipe Masters, em Pipeline, o melhor surfista das tres disputas é o grande campeão.

O Pena Pro Nordeste teve a primeira etapa da Tríplice Coroa com ondas de até 16 pés em Fernando de Noronha, lugar onde o Tour Nordestino ainda não tinha aterrissado, em Várzea do Una acontecerá a segunda etapa, e em setembro acontece em Itacaré - BA a terceira e última etapa que definirá o campeão da Tríplice Coroa também em lugar inédito em etapas do nordestino Pro.

O atual líder do ranking regional com 3220 pontos o jovem baiano Bino Lopes dono de um surf de linha está sendo considerado uma das revelações, venceu a primeira etapa do Tour que também valia para a Tríplice Coroa e na segunda foi barrado na semifinal pelo campeão da etapa o pernambucano integrante do quinteto fantástico César Molusco, mas continua com uma liderança folgada.

Messias Félix atual campeão brasileiro e atleta Pena vai defender o título de 2009 em Várzea do Una e correr atrás de um bom resultado já que ocupa a quinta posição no ranking após as duas etapas.

Várzea do Una, pico que quebra uma onda muito forte, buraco, e com a maré seca proporciona até tubos abrindo para os dois lados, surpreendeu a todos ano passado quando rolou a etapa do Tour e entrou definitivamente para o calendário.

Segundo o Secretário de Turismo Roberto Casado, esta etapa já entrou no calendário dos grandes eventos de São José da Coroa Grande e o fato do campeonato acontecer em plena final de Copa do Mundo só aumenta as expectativas para uma grande festa, pois caso o Brasil seja um dos finalistas telões serão armados na praça para todos acompanharem o jogo.

“É A segunda vez que estamos fazendo um campeonato em Várzea do Una e as expectativas são as melhores possíveis já que em 2009 o evento foi considerado um dos mais alucinantes do Tour”, comentou Lima Jr. Marketing da Pena.

Lima Jr. também comenta que apesar da logística ser bem difícil, pois o local onde o campeonato é realizado é uma ilha deserta sem energia e com acesso apenas de barco, abrilhanta ainda mais o evento.

A segunda etapa do Pena Pro Nordeste, terceira do ANS Pro Tour, distribui 30 mil reais em premiação, 2000 pontos no ranking Nordestino e 1000 pontos no ranking no Brasil Tour.

Com a etapa do Pena Pro Nordeste em Várzea do Una, Pernambuco inicia uma série de eventos importantes no cenário do surf nacional, a quarta etapa do Nordestino Pro na Baía de Maracaípe, Brasil Surf Pro e Seletiva Petrobras na Praia do Cupe.

O evento será transmitido ao Vivo pelo site www.pena.com.br.

O Pena Pro Nordeste conta com os patrocínios da Pena, Governo do Estado de Pernambuco, Empetur, Prefeitura Municipal de São José da Coroa Grande e Secretaria de Turismo.

Apoio Starboard, Haco, Eberle, Menegotti, Filati, Matesa Têxtil, Komunik mídia Digital, Malhas Caiman, Bonor.

Divulgação sites cearasurf, waves, surfguru, surfbahia, SurfPE e ondulação, revistas Wave Wind e Beach Show, canais de Tv ESPN e Woohoo. O evento tem a realização da ANS, ABRASP, ASEA (Associação de Surf e Esportes Aquáticos de São José da Coroa Grande) e Federação Pernambucana de Surf.

Ranking após duas etapas:

1º Bino Lopes (BA)

2º César Aguiar (PE)

3º Patrick Tamberg (FN)

4º Gutemberg Silva (CE)

5º Messias Félix (CE)

6º Rudá Carvalho (BA)

7º Edvan Silva (CE)

7º Halley Batista (PE)

9º John Max (RN)

10º Alan Jhones (RN)

11º Jean da Silva (SC)

12º Flávio Nakagima (SP)

13º Alan Donato (PE)

14º Charlie Brown (CE)

14º Bruno Galini (BA)

16º Thiago de Sousa (CE)


Rickmani Cearense de Surf Universitário - Inscrições começam nesta terça-feira.

Autor: SurfPE - Por: AILTON JUNIOR - 21/06/10 - 21:48 - link fonte:

Cartaz do Rickmani Cearense de Surf Universitário - foto: Reprodução.

O Circuito Cearense de Surf Universitário completa este ano, 09 (nove) anos de existência e comemora mais uma vez a parceria com a empresa de surfwear Rickmani. Serão 02 (duas) etapas do Circuito Rickmani Cearense de Surf Universitário.

Este circuito é considerado um exemplo nacional de modelo organizacional, principalmente por ser responsável pela revelação de vários talentos, como: Glauciano Rodrigues, Gutembergue Silva, Phelipe Maia, Victor Araujo (Open Universitário), Rafaela Bahia, Camila Vilar (Feminino), Cassio George, François Costa (Iniciante), Israel Rodrigues, Leleco Pinheiro (Master Degree), José Wilson e Icaro Lopes (Open Estudantil) e muitos outros das diversas categorias.

Fortaleza irá receber neste final de semana, nos dias 26 e 27 de Junho, na Praia do Futuro, no Complexo Crocobeach, a primeira etapa do Rickmani Cearense de Surf Universitário, com disputas em 05 (cinco) categorias: Open Universitário, Iniciante Universitário, Feminino Universitário, Máster Degree e Open Estudantil.

Serão ofertadas 96 vagas para os surfistas das diversas faculdades cearenses públicas ou privadas, como também para os diversos colégios existentes em nosso Estado.

Na premiação do circuito serão oferecidas 04 (quatro) passagens aéreas para Fernando de Noronha aos campeões das categorias Open Masculino e Feminino, Iniciante, e Máster Degree. A premiação por etapa do Rickmani Cearense de Surf Universitário 2010 será a seguinte: Blocos Teccel, Troféus e Kits Rickmani.

As inscrições antecipadas podem ser feitas amanhã, terça-feira, dia 22 de Junho no complexo Crocobeach a partir das 20 horas. Será obrigatória a apresentação por parte dos universitários, da declaração de matrícula do curso (Open, Iniciante e Feminino) ou diploma de conclusão (Máster Degree) e por parte dos estudantes, o comprovante de matrícula (Open Estudantil). Segue abaixo os valores das inscrições:

• Open: R$ 50,00
• Master Degree: R$ 40,00
• Iniciante: R$ 40,00
• Feminino: R$ 40,00
• Open Estudantil: R$ 25,00

IMPORTANTE: Caso você não possa ir amanhã a noite, as inscrições também poderão ser feitas através de depósito na conta da Classic Promoções ou no sábado às 7h da manhã no local do evento.

Para inscrições através de depósito, a inscrição será confirmada após o cumprimento dos dados abaixo:
Fazer depósito e encaminhar o comprovante via fax para 85 3261-4463 com todos os seus dados, (nome completo, data de nascimento, endereço completo, faculdade, curso, telefone ou e-mail para contato). Após o envio confirmar o recebimento no telefone 85 3261-4463 ou mandar e-mail para classicpromocoes@gmail.com .

Dados para depósito:
Banco do Brasil – agência 3515-7 – c.c.: 5627-8
Classic Surf Promoções Esportivas LTDA

Será obrigatória a apresentação por parte dos universitários no sábado pela manhã, da declaração de matrícula do curso (Open Masculino, Open Feminino e Iniciante) ou diploma de conclusão (Máster Degree) e por parte dos estudantes, o comprovante de matrícula (Open Estudantil).

O Rickmani Cearense de Surf Universitário 2010 tem o patrocínio da Rickmani, Tent Beach, Gerardo Bastos, Pirelli e apoio da Rádio Mix, Jornal Diário do Nordeste, Blocos Teccel, Complexo Crocobeach, Associação Cearense de Surf Universitário, Federação Universitária Cearense de Esportes e Federação Cearense de Surf. A realização é da Classic Promoções.


Abreus Open - FESTA POTIGUAR EM PERNAMBUCO.

Autor: SurfPE - Por: Max Bruno (Vida Surf) - 21/06/10 - 21:32 - link fonte: www.vidasurf.com.br

Emanuel de Souza faz a festa potiguar em PE - foto: VidaSurf

Alguns potiguares foram até a praia de Gaibú em Pernambuco, disputar a 2º etapa do circuito pernambucano, que rolou entre os dias 19 e 20/06.

Depois de muita chuva e algumas dificuldades para chegar à praia, o sol e a equipe de potiguares brilhou forte no fim de semana. A primeira vitória, veio com a novíssima geração de Ponta Negra, Matheus Sena que tem apenas 8 anos e instiga de sobra venceu a categoria petiz.

Logo depois foi a vez de Carlos Rodrigues, também local de Ponta Negra, mostrar o seu surf e vencer com tranqüilidade a júnior, deixando um dos destaques do campeonato, o paraibano Elivelton Santos com a segunda posição, depois de ter vencido as categorias iniciante e mirim.

Além deles dois, outros dois potiguares venceram suas categorias. Raphael Cabral e Emanuel de Souza, tiveram a maior dificuldade para chegar ao evento, pois ficaram ilhados e com o carro no prego depois de muita chuva voltando de Porto de Galinhas no sábado de manhã.

Porém, conseguiram chegar a tempo para vencer as categorias Universitário e open respectivamente.

O evento teve uma estrutura digna de um circuito regional, com atletas de vários estados participando elevando o nível das disputas e uma premiação excelente para os atletas amadores.

Confiram o Vídeo:



RESULTADOS:

Petiz
1 – Matheus Sena - RN
2 – Cauã Nunes – PE
3 – Antônio Maia – PB
4 – Paulo Eduardo – RN

Iniciante
1 – Elivelton Santos – PB
2 – Tiago Silva – PE
3 – Ramon Austin – PE
4 – Eder Rodrigues – PE

Mirim
1 – Elivelton Santos – PB
2 – Tiago Silva – PE
3 – Carlos Rodrigues – RN
4 – Caio Santos – PE

Júnior
1 – Carlos Rodrigues – RN
2 – Elivelton Santos – PB
3 – Ramon Austin – PE
4 – Junior Lima – PE

Open
1 – Emanuel de Souza – RN
2 – Osvaldo Cajá – PE
3 – Paulo Henrique – RN
4 – Robson Silva – PE

Universitário
1 – Raphael Cabral – RN
2 – Aldo Luiz – PE
3 – Guga Roque – PE
4 – Carlos Pito - PE

Máster
1 – Fábio Quencas – PE
2 – Beto Gêmeos – PE
3 – Carlos Pito – PE
4 – Cláudio Campos – PE

Feminino
1 – Shayanne – PE
2 – Natália Freitas – PE
3 – Maria Eduarda – PE
4 – Elaine Keite – PE

Longboard
1 – Nascimento – PE
2 – Carlão Silveira- PE
3 – Ray Farias – PE
4 – Jorge Miranda - PE